4 de nov. de 2013

Filtros de carros: entenda suas funções e mantenha a manutenção em dia.

O bom funcionamento de seu automóvel depende de muitos fatores mecânicos, dentre eles os filtros, que são ser de ar, óleo, combustível e cabine, e alinhados ao motor do veículo mantém seu veículo em dia para circulação. Confira para que serve cada um deles e a saiba importância de mantê-los em bom estado.


Filtro de combustível


Função: É responsável por evitar que impurezas que venham do tanque de combustível do veículo acessem partes importantes para o funcionamento do motor, como os bicos injetores.

Cuidados: Não é raro que resíduos mais espessos que o combustível ou até fiapos de tecido (por conta do pano do frentista do posto) sejam filtrados neste processo. Essas impurezas pode entupir e impedir que determinado bico injetor funcione, provocando falhas no motor.

Substituição: É importante verificar o que indica o manual do veículo para uma informação precisa de acordo com o fabricante do automóvel. Indica-se a revisão do filtro de combustível em veículos carburados entre 8 e 15 mil km; e para os veículos com injeção direta, entre 15 e 40 mil km.

Filtro de ar


Função: Retém partículas provenientes do ar atmosférico que, normalmente, contém poeira e outros resíduos que podem afetar o funcionamento do veículo, impedindo a perfeita entrada de ar frio para o motor.

Cuidados: Caso algum fragmento chegue ao sistema de injeção eletrônica, agirá como uma lixa, desgastando o interior do sistema e prejudicando o seu funcionamento. Caso as pequenas partículas cheguem à câmara de combustão, o estrago será ainda maior, podendo corroer as paredes dos cilindros do motor, prejudicando a lubrificação do sistema e podendo fundir o motor. O filtro de ar em mau estado também aumenta o consumo de combustível.

Substituição: Em média, a troca deve ser feita entre 15 a 20 mil km.

Filtro de óleo


Função: Evita que borras ou contaminações, provenientes da queima do combustível, entupam as galerias de circulação do óleo.

Cuidados: Impurezas neste fluido de lubrificação e até mesmo fragmentos metálicos derivados do uso do motor podem agir como a poeira, resultando em desgaste prematuro do motor e causando sérios danos. Estes filtros, em sua maioria, são construídos em papel poroso, inseridos em estrutura plástica ou metálica. Este componente permite que o fluido passe por ele, com alguma dificuldade, mas retém as impurezas prejudiciais ao motor.

Substituição: Para evitar que o filtro entupa, indica-se a substituição a cada troca de óleo.

Filtro de cabine


Função: O filtro de cabine também é conhecido como filtro antipólen ou filtro ar-condicionado e tem a função de filtrar a poeira existente no ar atmosférico, possibilitando a retenção do pólen de plantas, evitando alergias nos ocupantes dos veículos.

Cuidados: O filtro de cabine pode ficar saturado, e assim impedir que o ar do ventilador tenha uma vazão adequada para o habitáculo de passageiros. Ou ainda pode ficar saturado de umidade, com o uso constante do ar-condicionado, quando não é obedecida a pausa de alguns minutos com o ar condicionado desligado antes de desligar o veículo. Isso proporciona a proliferação de fungos e bactérias, deixando o carro insalubre e om cheiro de mofo.

Substituição: A mudança desse item varia de acordo com as condições de uso do veículo, mas normalmente a substituição se dá entre seis meses e um ano de uso.

Informações CESVI Brasil

Vai fazer a revisão do ser carro? Entre em contato com o nosso parceiro AutoMóvel Expresso e faça sua revisão sem sair de casa ou do trabalho. Acesse -> http://automovelexpresso.com.br/