14 de nov. de 2013

Viagem no feriado exige cuidados dos motoristas.



Com a chegada do feriado muitas pessoas aproveitam para viajar e sair da rotina de uma Brasília quase vazia. O aumento do fluxo de veículos nas estradas pode tornar o passeio ainda mais arriscado. Por isso é necessário tomar alguns cuidados com o seu carro antes de pegar a estrada.

Quanto à manutenção do veículo, é importante que os pneus estejam em bom estado: sempre calibrados, alinhados e balanceados. É fundamental, também, que os freios estejam respondendo de maneira eficiente, com discos e pastilhas dentro da vida útil. “Os pneus são itens de extrema importância. A calibragem recomendada está especificada no manual do proprietário. Caso esteja acima do nível correto, o pneu pode ficar duro e isso pode ocasionar em perda de aderência com o solo. Caso o nível de ar esteja abaixo do desejado, os pneus terão maior atrito: isso causa maior desgaste e aumento no consumo de combustível,” explica Hélio Aveiro, vice-presidente do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do Distrito Federal (SINCODIV/DF).

No motor, o recomendado é verificar os níveis de óleo e líquido de arrefecimento – água do radiador. O reservatório de líquido limpante para o para-brisas também deve ser verificado, já que quem dirige em rodovias está sujeito à poeira e outros fatores prejudiciais à visão. “É importante, também, verificar o estado das palhetas dos limpadores de para-brisa e vidro traseiro – quando há. Quando estão ressecadas, o componente não limpa direito, prejudicando a visão do motorista”, aponta Aveiro.

Na estrada – O comportamento dos motoristas nas rodovias implica em responsabilidades como o zelo pela própria vida e, também, de outros condutores e passageiros. “É sempre importante que o motorista alerte os passageiros quanto ao uso do cinto de segurança. Este item é de extrema segurança e, acessórios como o airbag, só tem seu funcionamento otimizado com o uso deste componente”, alerta o vice-presidente do SINCODIV/DF.

Em situações de pouca visibilidade, como trechos chuvosos ou com neblina, o indicado é que a velocidade seja diminuída e as luzes baixas sejam ligadas. “Os motoristas devem dirigir com prudência mesmo com tempo bom. Respeitar a sinalização é um item primário e deve ser respeitados para preservar a própria vida e de outras pessoas”, aconselha Aveiro.

Confira dicas importantes para a hora de pegar a estrada:

Parte elétrica: as lâmpadas dos faróis alto, baixo e de neblina, além das luzes dos freios e das setas de direção (pisca). Se possível, faça a regulagem do facho dos faróis, que iluminam menos e ofuscam a visão dos motoristas contrários quando estão mal regulados;

Cadeirinhas: o uso de cadeirinhas ou assentos infantis para crianças menores de sete anos e meio é obrigatório. Use o equipamento ideal para cada faixa etária. Menores de 12 anos somente no banco traseiro;

Trânsito pesado: sempre que possível é aconselhável evitar os horários de pico para a viagem – final da tarde, começo da noite e primeiras horas da manhã. Em feriados prolongados é certeza de congestionamentos;

Evite refeições pesadas: comer demais ou ingerir comidas pesadas podem causar sonolência ou mal-estar durante a viagem. Caso a sonolência chegue durante a viagem, pare em um posto de combustível e descanse – não é o ideal, mas ajuda a evitar acidentes.