3 de fev. de 2014

40% dos seguros de carros do Brasil são para a classe C



A classe C tem se destacado em diversos segmentos de consumo. Em relação aos seguros automotivos, a classe já representa 41,3% dos contratos de seguro automotivo no Brasil.

De acordo com a Seguralta Franchising, a contratação de seguros automotivos pela classe C quase dobrou em três anos.

Segundo a empresa, o aumento do percentual de pessoas da classe C no mercado de seguros é a ascensão da nova classe média brasileira e do aumento do número de roubos de carros no Brasil.

Veículos

A Seguralta revela que os carros populares são os veículos populares, que mais estão presentes na frota nacional. Com o aumento do roubo e furto de veículos, a classe C tem sido mais prejudicada, por ser a que mais consome os veículos populares. “O consumidor já entendeu que seguro não é luxo. Seguro é necessidade”, explica o diretor da Seguralta Franchising, Reinaldo Zanon.


A empresa aponta também que existe um potencial de crescimento na participação da classe C na contratação de seguros auto. Dos quase 200 milhões de habitantes, 54% da população brasileira (cerca de 102 milhões de pessoas) fazem parte da classe média, ampliando as possibilidades de novos segurados. “Com a ascensão econômica e o foco do mercado na classe C é apenas uma questão de tempo para atingirmos patamares ainda maiores”, finaliza Zanon.

Ligue agora para nossa central de relacionamento e tire suas dúvidas:  81 3446.2266 

FONTE: InfoMoney