12 de nov de 2014

Confira como transferir o seguro do antigo carro para um novo veículo

Comprar um carro novo é sempre motivo de satisfação para o proprietário. Mas junto com ele vêm os trâmites burocráticos, inclusive aqueles que garantem a segurança do veículo.
Se você quer transferir o seguro antigo do seu carro para o seu novo automóvel, lembre-se que esta transição só pode ser feita caso o condutor seja o mesmo. Para ajudá-lo nesta fase, oMoneyGuru foi atrás de todas as informações necessárias para você transferir o seu Seguro Auto.
Segundo Amélia Makita, corretora de seguros, o primeiro passo para iniciar o processo é ter em mãos a nota fiscal do carro novo. “Em seguida, ligue para o corretor, para que ele dê andamento à transferência, que ocorre em um curto espaço de tempo.”
É importante ter em mente que haverá mudança no valor do seguro. Para calculá-lo , leva-se em consideração: a marca do veículo, ano de fabricação, coberturas, valor da franquia, perfil do motorista e se o veículo ficará em garagem. Se você já pagou ou está pagando algumas parcelas do seguro do veículo antigo, só será cobrado o excedente do valor do seguro do carro novo. Ou seja: se o custo do novo seguro for R$ 1.600,00 e o anterior era de R$ 1.000,00; e você já tiver quitado sua totalidade, será cobrado apenas os R$ 600,00 excedentes.
Se o cliente tiver algum bônus com a seguradora, os benefícios não serão excluídos com a transição. “Se você não precisou utilizar o registro de sinistro nenhuma vez, por exemplo, pode usar o bônus como desconto no valor do seguro a ser contratado ou acumulado”, afirma Amélia.
Passo a passo para a transição:
1. Peça a nota fiscal do carro novo na concessionária.
2. Ligue ou acesse o site de um corretor de sua confiança.
3. O profissional fará o cálculo de substituição e pedirá a vistoria prévia do carro antigo. Ela pode ser feita em domicílio por empresas especializadas ou em uma loja credenciada pela seguradora e custa, em média, R$ 60,00. Encaminhe-a imediatamente para o corretor.
4. Com a nota fiscal e o comprovante da vistoria em mãos, o corretor enviará a proposta de substituição à seguradora.
5. Assim que forem analisados os documentos e o pedido feito para corretora, a seguradora elabora o Endosso de Substituição (complemento do novo veículo na apólice).
6. O trâmite é rápido: a substituição pode ser feita em um único dia. Seu novo carro já estará assegurado e você poderá sair da concessionária tranquilamente.
Fonte: CQCS